Neil Gaiman e Robert Crumb

Definitivamente, esse é o ano dos quadrinhos para mim. Tenho lido coisas muito interessantes. Falei no post anterior sobre ‘Daytripper’, dos brasileiros Fábio Moon e Gabriel Bá, uma HQ linda, muito bem escrita e de traços muito expressivos. Só para citar uma que já considero clássica (eu e o mundo), entre tantas outras lidas, como ‘Maus’ e ‘Persépolis’, ambas maravilhosas. Ainda vou fazer um post somente sobre as HQs lidas.

Como não poderia deixar de ser, neste texto falo de outras duas ótimas graphic novels: ‘Os caçadores de sonhos’, de Neil Gaiman e P. Craig Russel, e ‘Blues’, de Robert Crumb. Graças a dois canais literários que sigo, resolvi embarcar nessas duas dicas e não me arrependi.

Eu sempre que passava em alguma livraria me deparava com ‘Sandman’, mas sempre tinha outra prioridade. Dessa vez não houve escapatória. Era o momento de experimentar o texto de Gaiman e os excelentes desenhos de Craig Russel que acompanham ‘Os caçadores de sonhos’. Gaiman conseguiu criar uma história mitológica sobre a impossibilidade do amor entre um monge e uma raposa (uma linda jovem). Quando lemos parece que o autor apenas recontou uma lenda japonesa antiga, algo que sempre fez parte do imaginário daquela cultura. Mas não, Gaiman criou tudo e com tanta maestria que não nos damos conta que a história é totalmente inventada.

‘Blues’ foi escrito e desenhado por Robert Crumb, um apaixonado pela música que formou a cultura americana, a música negra. Nesse livro ele conta a história de algumas das lendas do blues, além de fazer uma crítica à indústria da música e seu rolo compressor, que tenta apagar de forma cruel o esse passado musical tão rico. Os traços de Crumb são crus, sujos, com bastante movimento e expressividade, trabalhados em branco e preto, luz e sombra. A obra também traz capas de discos desenhados por Crumb, além de cartazes e outros materiais produzidos pelo desenhista ao longo de muitos anos.

Quem quiser adquirir as obras, acho que valem muito a pena. ‘Os caçadores de sonhos’ está com um preço ótimo. Eu já vi até por R$ 17,90 pela web. Na Cultura aqui do Salvador Shopping (onde eu li sentado em uma poltrona), eu vi por R$ 25. Já ‘Blues’, eu não vi por menos de R$ 50. Comprei o livro de Crumb por R$ 9,90 em uma promoção no Submarino, mas acho que não é mais possível comprar por esse preço lá.

Os contrastes do desenho de Crumb criam esse efeito lindo!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Neil Gaiman e Robert Crumb

  1. Oi, Sandro! Eu amo Os Caçadores de Sonhos, mas acho mais legal a versão em livro, ilustrado pelo Yoshitaka Amano. É uma edição antiga, infelizmente não existe mais em livrarias, mas é simplesmente linda! Bj!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s