Prêmio literário

bienalPessoal, sei que este blog não tem um número de leitores muito grande. Se tem, não tenho acesso a esta estatística. No entanto, resolvi publicar e dividir com vocês o que para mim é uma conquista.

Acho que a maioria sabe que ser publicado no Brasil por uma editora é muito complicado. Os “nãos” são parte constante dessa luta.  Em um determinado concurso tive a boa notícia de que uma editora publicaria um livro meu, mas eu teria que pagar parte da quantia, dinheiro que não tinha para dispor no momento. Desisti. Mais tarde, por intermédio de uma amiga chamada Carla Martins, mandei meus textos para outro concurso, o de Valdeck Almeida (jornalista e poeta nascido em Jequié).

Para a minha felicidade um soneto meu foi selecionado para entrar na coletânea que será publicada. Mais 132 autores também terão seus textos inseridos na obra.

O livro será lançado na Bienal de São Paulo, que ocorre em agosto deste ano. O livro sai em julho.

O primeiro passo foi dado!

Abaixo, o texto de divulgação:

O livro “Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus – 2009” é o resultado de um concurso realizado em 2009. Foi mais de 600 poetas inscritos e 133 selecionados para participarem da publicação. O livro será lançado durante a 21ª edição da Bienal Internacional do Livro de São Paulo, no Pavilhão de Feiras do Anhembi. Dentre os poetas estão 27 baianos, além de portugueses e um americano.

Valdeck Almeida acalentou a ideia do concurso desde seus 12 anos de idade, quando teve o primeiro contato com a poesia de Drummond, Castro Alves, Augusto dos Anjos e os cordéis escritos por vários gênios da literatura popular nordestina. Há 32 anos Valdeck compõe poemas e se aventura pelo mundo dos contos e crônicas.

O primeiro livro-filho de poesias, “Feitiço Contra o Feiticeiro”, no entanto, só veio à luz após vinte anos de gestação. Foi parido, parto normal, e caminha até hoje por este Brasil a fora.

Valdeck Almeida de Jesus sabe o que correr atrás de editoras e receber não como resposta. Não queria que outros poetas tivessem a mesma falta de sorte. Por isso, criou o “Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus”, que dá oportunidade a gente do mundo inteiro.

Sobre o Organizador

Valdeck Almeida de Jesus é um poeta e sonhador. Lançou os seguintes livros: “Heartache Poems. A Brazilian Gay Man Coming Out from the Closet”, iUniverse, New York, USA, 2004; “Feitiço Contra o Feiticeiro”, Scortecci, São Paulo, 2005; 20% da renda doada às Obras Sociais de Irmã Dulce; “Memorial do Inferno. A Saga da Família Almeida no Jardim do Éden”, Scortecci, São Paulo, 2005; 1ª edição – 100% da renda doada às Obras Sociais de Irmã Dulce; “Jamais Esquecerei do Brother Jean Wyllys”, Casa do Novo Autor, São Paulo, 2006; “1ª Antologia Poética Valdeck Almeida de Jesus”, Casa do Novo Autor, São Paulo, 2006; “Memorial do Inferno. A Saga da Família Almeida no Jardim do Éden”, Giz Editorial, São Paulo, 2007 – 2ª edição; Participa de mais de vinte antologias de poesias. Por seus trabalhos em prol da literatura e da paz, foi nomeado Embaixador Universal da Paz em janeiro de 2010, pelo Círculo dos Embaixadores da Paz da Suíça e França. A entidade é ligada à Organização das Nações Unidas (ONU).

Site pessoal: http://www.galinhapulando.com

Título: “Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus – 2009” – poesias

Org. Valdeck Almeida de Jesus

Editora: Giz Editorial

Páginas: 215

Onde comprar: Giz Editorial (on-line) ou direto com o organizador.

21ª BIENAL INTERNACIONAL DO LIVRO DE SÃO PAULO 2010

http://www.bienaldolivrosp.com.br/

12 a 22 de agosto de 2010, das 10 às 22 horas

Parque de Exposições Anhembi

Avenida Olavo Fontoura, 1209

Bairro Santana – São Paulo–SP

Anúncios

28 pensamentos sobre “Prêmio literário

  1. primeiro de tudo,parabens,fiquei muito feliz ao ler essa grande noticia e espero poder ler o seu poema em breve,imagino a sua felicidade nesse momento.
    Ultimamente nao estava conseguindo ler os seus post’s,nao aparecia o texto de jeito nenhum.
    um abracao e que o livro seja um grande sucesso.

  2. Olá! Participei do livro “Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus – 2008 e estou muito feliz por mais poetas serem descobertos. Parabéns e siga em frente, esta oportunidade é única.
    Eulália Costa

  3. Que grande alegria meu amigo poeta, pra falar a verdade não sei se estou nesta coletânea, mas me alegro por todos. Podes me dizer se sou uma das selecionadas?
    parabéns
    uma salva de palmas pra ti
    Gerci oliveira godoy

  4. Olá, eu também estou nessa. Fiquei muito feliz ! É tão bom quando o que fazemos é reconhecido, não é? A seriedade do Valdeck é impressionante, além de sua participação ativa na vida cultural brasileira. Palmas para ele!
    Anna Luisa Traiano Mundt

  5. Já tive a grande alegria de participar desse concurso, em 2008. Fui à Bienal e voltei toda feliz com meu poema publicado. Estou, de novo, agora em 2010. Quero me programar para ir ao lançamento e encontrar com esse guerreiro das Letras, idealizador desse concurso que oportuniza e revela tantos talentos. Parabéns Valdeck, pela persistência.
    Um abraço com muitas leituras.
    Dinorá

  6. Oi grande poeta e organizador Valdeck!

    Fico muito feliz por estar a assistir a este processo, que é o de o nascimento deste livro.
    Obrigada por ser posslvel ver um bocadinho de mim nele.
    Um abraço fraterno.
    Parabéns e Felicidades!
    Jo

  7. Tenho participado da Antologia Waldeck de Almeida desde que soube da sua existência. Na edição de agosto próximo recebi menção honrosa, primeira vez que isso acontece comigo. Sinal que o estímulo de Waldeck aos escribas brasileiros e lusitanos é válido e mais ainda no nosso esforço para aprimorar a arte.
    Muito legal.
    Fabio Daflon

  8. Waldeck!
    Parabéns pela inicativa de promover poesia e poetas.
    Agradeço pela oportunidade de ter um poema na sua Antologia de 2009.
    Abraço!
    Mauricio Paranaguá

  9. Excelente materia! Tive a honra de ser selecionada para participar da obra em mais de uma edicao do concurso. Obrigada a Waldeck por oportunizar a cultura brasileira tao significativo trabalho. Meu abraco e admiracao.

  10. O Valdeck é um cara excepcional… por ser um lutador que venceu na vida; por ser um apaixonado pelas artes literárias; por ser escritor; por promover a cultura oportunizando que escritores participem de um concurso literário e vejam seus textos publicados sem cobrar nada por isso. É, Valdeck é mesmo um cara excepcional!

  11. valdeck almeida de jesus mere ser chamado de “agitador cultural”
    por dedicar-se com palavras e ações à arte literária
    em nosso país
    invés de ficar se lamuriando ele une pessoas e age mesmo!
    sinto-me mais forte em fazer parte da coletânea de 2009 e que justamente leva o seu nome
    estamos todos de parabéns por existir esse formidável “agitador”! !

  12. Parabéns, Sandro! Força aê nesta ‘jornada’.

    Também participei do concuro e fui selecionado.

    Irei aproveitar para e ler sua poesia. Não cheguei ler todas poesias do arquivo de correção…

    Ahh, aproveito também para mandar um abaço ao Valdeck. O Brasil precisa de mais pessoas como ele. Quem ganha é a nossa rica cultura!

    Obrigado e Parabéns novamente!

  13. A propósito, excelente esta sua poesia “In Extremis”.

    Perfeita.

    Muito legal a temática, a estrutura, o vocabulário, a ‘sutileza’…

    Demais!

    PArabéns!!!

    Abraços.

  14. O Valdeck é uma daquelas figuras que imaginamos não existir, e que de tanto resistir e pesistir ele acaba fazendo com que nós passemos a existir através dos seus projetos e sonhos matarializados em suas antologias.

  15. Parabéns, colega! Também participei do concurso e pela primeira vez vou ver um texto meu publicado em um livro. É uma emoção única e indescritível, principalmente porque fazia muitos anos que não escrevia e voltei a escrever apenas no ano passado. Valdeck realmente está de parabéns pela força com que ele conduz seu concurso, dando oportunidades a todos os poetas do Brasil inteiro e também do exterior!

  16. Todos sabemos a realidade em que vive o novo autor. Sabemos também como é difícil encontrar espaços para a realização do sonho de publicação de um livro.
    Só não podemos dizer que não sabemos quem tem sido o pioneiro da inclusão de tantos talentos nas vias editoriais. SIm, Valdeck não é um promotor cultural de recente atividade nessa via, ele já oportuniza há muito a inclusão dos artistas da palavra nas páginas das suas antologias sempre marcadas com qualidade editorial e literária.
    Sou testemunha de sua grande contribuição para a literatura contemporânea.
    O baiano Valdeck é um grande cidadão e merece menção de seus feitos pelo país afora.
    O projeto Nova Coletânea sempre se inspirou na sua firmeza de caráter e no seu engajamento nas questões sociais.
    Fico muito feliz em perceber que o concurso do Valdeck continua à toda prova.
    Felizes os contemplados por sua sensibilidade de poeta.
    Com ele, vislumbramos um Brasil de portas abertas a todos.
    Parabéns!

  17. Parabéns a Vc e ao Valdeck. Castro Alves já fazia ecoar que “Bendito o que semeia livros… e fazem o povo pensar…” Que este livro caia na alma e nos corações. estou muito feliz por também participar dessa coletânea. Um forte abraço. Saudações poéticas. Vaz Poeta

  18. Enquanto muita gente fala na morte da literatura, o Prêmio Valdeck Almeida de Jesus, se fortalece. As raízes estão cada vez mais profundas, marcadas e registradas na memória de cada participante, de cada leitor.
    Que a chama de Valdeck continue acessa sobre sobre a água viva que ainda que ainda está na fonte.

    Guilson de Queiroz – (filólogo, escritor e músico – Go)

  19. Grande Valdeck!
    A maioria dos concursos literários que andam por aí não passa de uma forma nem um pouco disfarçada de promover “antologias” cooperativadas. Para estar nelas, basta pagar. O Prêmio Valdeck Almeida de Jesus segue na contramão dessa linha, selecionando e publicando novos autores pelos seus méritos e não por seus bolsos. Às centenas de parabéns pela iniciativa, acrescento, mais uma vez, os meus.

  20. Obrigado, pessoal, pela honrosa visita de vocês! Realmente é uma oportunidade única esta que Valdeck nos proporciona.
    Li que alguns estarão no lançamento do livro. Não sei se poderei por causa do meu trabalho de jornalista, mas ferei o possível para estar presente e visitar novamente a cidade onde já morei por dois anos!
    Grande abraço a todos e sigamos em frente com nosso amor pela escrtia!

  21. O Valdeck é um iluminado, um mago, um filho de Deus perfeito! O seu trabalho em prol da cultura é digno dos maiores elogios e prêmios!
    Baiano pobre, paupérrimo — mas sonhador — cresceu junto ao sonho e fez-se realidade com ele, transbordando sua beleza para nós, seus amigos, fãs, irmãos de sonhos! Parabéns!!!

  22. Olá,
    Eu também me senti muito honrada em poder fazer parte da coletânea que sairá em julho. Agradeço ao Valdeck a oportunidade que tem dado aos novos escritores. Só mesmo uma pessoa de grande coração teria uma iniciativa como essa. Parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s